os caminhos do mundo e do além


Terça-feira , 18 de Dezembro de 2012


O caminho para o próximo mundo

 

O caminho para o próximo mundo

Bem, como estamos a chegar ao tão falado dia 21.12.2012, tirado do famoso calendário maia e de onde se escreveu tanto soubre de um possivel fim do mundo ou catástrofes naturais e não só..., será?

Este fim do mundo (21.12.2012) que tanto se fala, ao longo destes ultimos anos fui dito e escrito por muitas pessoas, e onde se desenvolveram algumas hipoteses teorias de como seria o fim do planeta, mas aqui estaremos para ver qual delas será a verdadeira, ou talvêz nenhuma. Veja-mos, temos algumas das catástrofes para o fim do mundo, que são estas:

 

Virá um planeta que se chama Nibiru ou um planeta X vai chocar contra nós ou irá conquistar o nosso planeta.

 

Os polos da Terra vão se inverter, vão trocar de lugar.

O eixo da Terra poderá mudar de inclinação.

A Atividade Solar está aumentando.

Alinhamento.

Escrito por tetembua às 21:05:42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O caminho para o próximo mundo

 

Existe mesmo um Planeta-X que vai se chocar com a Terra?

 Existe mesmo um planeta chamado Nibiru que vai se chocar com a Terra? Nibiru é o nome de um suposto planeta proposto pelo escritor Zecharia Sitchin. Segundo ele, o planeta já era conhecido pelos Sumérios há mais de 5500 anos e tem um período orbital de 3600 anos. No entender dos seguidores de Sitchin, Nibiru se aproximaria de novo em 2003, mas como nada aconteceu mudaram a data para 2012. Em 2008 diziam que já era possível vê-lo a olho nu a partir de 2009, mas como ninguém o observou até agora o assunto ficou meio esquecido. Nibiru e outras histórias não passam de "pegadinha de internet" e antes do advento da rede mundial de computadores ninguém falava nesse assunto, que tomou fôlego a partir do final da década de 1990. Não existe qualquer base científica para a afirmação da existência de Nibiru. Caso o planeta realmente existisse, astrônomos do mundo inteiro já o teriam visto e calculado sua órbita. Não seria necessário supertelescópios nem agências espaciais, apenas observações normais que qualquer pessoa pode fazer.

Com relação ao Planeta-X, esse é o nome que se dá a qualquer corpo hipotético que possa causar perturbações gravitacionais em outros objetos, mas que ainda não tenha sido descoberto. Plutão, por exemplo, já foi chamado de Planeta-X. Eris e Ceres também. Atualmente, alguns cientistas especulam sobre a possibilidade de um objeto de grande dimensão localizado há mais de 1 ano-luz de distância (9 trilhões de km), nas proximidades da nuvem de Oort. A existência desse objeto foi proposta em 1999 pelo astrofísico John J. Matese, da Universidade de Louisiana, a partir de perturbações gravitacionais exercidas em cometas localizados no interior da Nuvem, mas até agora não foram encontradas provas de sua existência.

Escrito por tetembua às 20:30:28
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O caminho para o próximo mundo

 

Os pólos da Terra vão se inverter?

Muito se fala sobre a inversão dos polos magnéticos da Terra. Alguns dizem que eles se inverterão abruptamente, enquanto outros afirmam que quando isso acontecer a catástrofe será total. Ao que tudo indica, desde que a Terra existe os polos magnéticos já trocaram de posição por diversas vezes. Essa informação foi obtida após a análise dos minerais ferromagnéticos contido nas rochas, que mostraram que essas inversões ocorrem em intervalos não regulares de cerca de 250 mil anos. No entanto, não existe qualquer comprovação de que isso oconteceu abruptamente, com exceção de algumas localidades do planeta que ainda estão sendo investigadas. Segundo os geofísicos, as inversões do campo magnético são muito lentas e neste exato momento estamos passando por uma delas. Isso significa que em 250 mil anos os polos magnéticos poderão estar em lugares opostos ao que estão hoje. Assim sendo, não há nenhum risco de que isso acontecerá em dezembro 2012.

“ Não tem propriamente que trocar S para N e vice versa, mas, o pouco que se desloca já é suficiente para uma completa mudança no planeta...“

Escrito por tetembua às 20:23:29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O caminho para o próximo mundo

 

O eixo da Terra poderá mudar de inclinação?

É importante explicar que a inclinação do eixo da Terra foi determinada há milhões de anos, quando todo o Sistema Solar ainda estava em formação. Não se sabe exatamente como isso aconteceu, mas acredita-se que foi devido ao choque com algum dos inúmeros asteroides que rodeavam nosso planeta naquela época. Para que o eixo da Terra seja abalado é necessária uma força descomunal, inimaginável. Nenhuma força terrestre conhecida tem capacidade de alterar essa inclinação. Isso só seria possível se algum objeto muito grande, de dimensões planetárias, se chocasse contra a Terra e até agora os cientistas não tem conhecimento de qualquer objeto que esteja vindo em nossa direção.

 

E então o sol? Nós sbemos que dentro do nosso sistema solar, o sol e as suas ondas solares têm uma força sem igual, não tem que o tirar a terra do seu eixo, mas, tem força suficiente para alterar a sua rotação, mesmo o pouco que seja de 1/3 entre zênite e o equador...“

Escrito por tetembua às 20:16:19
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O caminho para o próximo mundo

 

A Atividade Solar está aumentando?
O Sol passa por períodos de alta e baixa atividade a cada 11 anos, chamados mínimos e máximos solares. Os cálculos mostram que o próximo máximo solar ocorrerá em março de 2013 e até lá deveremos observar momentos de muita instabilidade na estrela.

Em 2012 poderemos presenciar diversas tempestades solares, com efeitos na Terra que podem ir desde simples auroras boreais até avarias e blecautes elétricos, além de falhas nas radiocomunicação e panes em sistemas eletrônicos, especialmente satélites. Responsável por milhões de dólares de prejuízo todos os anos, as tempestades solares são comuns e a cada dia novas medidas são tomadas na proteção e prevenção dos patrimônios sujeitos a esses fenômenos.

Nem sempre estas ondas solares são observadas da mesma maneira, tanto a terra como o sol fazem a rotação em volta de si mesmo, assim desta maneira, onde hoje se vê as manchas negras, á mil anos atrás não eram observadas...,á uma zona no sol onde é mais descontrolada (tempestades)...

Escrito por tetembua às 20:02:49
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O caminho para o próximo mundo

 

Alinhamento
Com relação às coincidências, a primeira delas é que em 21 de dezembro o Sol atinge a maior declinação medida a partir da linha equador, quando se inicia o verão no hemisfério sul e inverno no hemisfério norte. Além disso, em 2012 estaremos praticamente no ápice do ciclo da máxima atividade solar, com maior quantidade de tempestades geomagnéticas ocorrendo no planeta. Juntando essas duas coincidências ao fato de que em 21 de dezembro sempre ocorre o segundo "alinhamento" anual entre o Sol, Terra e centro galáctico, fica fácil entender por que essa data foi escolhida. Além das coincidências mostradas, 21 de dezembro de 2012 é a data que os místicos elegeram para o impacto do hipotético planeta Nibiru contra a Terra e também de uma alardeada abrupta mudança na orientação dos polos magnéticos da Terra. Como foi dito no início do artigo, de acordo com os místicos parece que tudo acontecerá ao mesmo tempo em 2012. As consequências não são claras e cada defensor de uma teoria aponta rumos diferentes para os acontecimentos que se sucederão após 21 de dezembro de 2012, desde a destruição total do planeta até o início de uma Nova Era. No entanto, essa visão não é compartilhada pela ciência, que se baseia em fatos concretos e não em profecias ou ilusões.

(Mas alguma coisa algures no planeta já começou, devagar, sim, mas vai aumentando o seu poder mais depressa do que pensamos...)

tetmuosu 18,12,2012


(imagens do google e texto tirado do site “apolo 11.com“ e reescrito por tetmuosu)

Escrito por tetembua às 19:52:51
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
Portugal, portugues, viseu, termas, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, German, Esportes, Esportes de aventura
Outro - facebook joao alexandre pereira

Histórico